Artigos

A Sucessão Apostólica

O que é a Sucessão Apostólica

Jesus Cristo escolheu alguns de seus discípulos mais próximos para serem mebasrim ou mestres de
seu evangelho (Basrah "mensagem divina"). Ele os investiu de autoridade, a fim de que realizassem
suas próprias obras, incluindo liberdade de interpretar as Escrituras, criar escolas de instrução
espiritual, aprisionar forças demoníacas e liberar a humanidade das conseqüências do pecado ou
"dívida".


Após a ressurreição de Jesus, seus discípulos formaram comunidades de santos sob a supervisão
espiritual dos mebasrim. A comunidade central, em Jerusalém, era supervisionada por Tiago, o
menor ou o justo, também chamado de "irmão" do mestre (irmão em linguagem evangélica quer
dizer "primo"). Simão (Pedro) também era mebasrim, assim como João, Tomé, André e pelo menos
mais oito. Costuma-se enumerar os primeiros discípulos de Jesus em 12, embora haja evidências de
que este número seja maior. Eles acompanharam o Mestre (Mar, "Senhor") de perto em sua missão
e foram depois incumbidos por ele de pregar o Evangelho a todas as criaturas. Eles testemunharam
os seus milagres e gravaram seus ensinamentos, que depois transmitiram.


Clique em download para ter acesso ao conteúdo integral.

Download PDF