Poemas

Jesus de Nazaré

Jesus de Nazaré
Por Celeste Cristal

Minha alma esta triste, sombria.
Meus olhos cabisbaixos, melancólicos
no se atrevem a alçar sua mirada até Ti
“Oh! Jesus de Nazaré”.
Volta Teus olhos maravilhosos ate mim
e inunda-me com Teu olhar
cheios de amor, com esses olhos serenos
como só Tu, sabes olhar e perdoar.
Perdoa minha angustia,
perdoa minha dor, minha desesperação,
meu caminho se torna infinito e minha cruz
cada dia pesa mais
ensina-me a leva-la como Tu
“Oh! Jesus de Nazaré”.
Mas apesar de que minha alma esteja triste,
sombria e meus olhos melancólicos
sinto o Amor que derramas em mim
e Teus passos seguirei até chegar a Ti
“Oh! Jesus de Nazaré.

FIM


Clique em download para ter acesso ao conteúdo integral.

Download PDF