Artigos

O significado esotérico dos sete sacramentos

De acordo com a definição Ortodoxa, os Sacramentos são "Instrumentos Ordenados da Graça, necessários a salvação, instrumentos da Vida Eterna, que - através de sinais externos e visíveis – transferem ao Fiel a Graça interior e espiritual”.

Como é que estas ordenanças da Graça divinamente designadas, que deveriam unir os Membros da Igreja, se tornaram verdadeiras maçãs da discórdia?

A Razão é muito simples. Os Sacramentos foram gradualmente perdendo seus significados originais, e se degeneraram em meras funções ritualísticas. Como eles falharam repetidamente em transmitir os imensos benefícios os quais foram designados a transmitir, esses notórios fracassos deram luz a dúvidas a respeito de sua eficácia.

Durante a Reforma, cinco dos Sacramentos foram simplesmente descartados como "não sendo necessários para a Salvação”. Lutero foi tão longe a ponto de denominar o Sacramento da Confirmação (ou Crisma) de "FIRMELUNG", palavra que significa FRAUDE ou TRAPAÇA. Se ele tivesse a menor noção do Significado Secreto dos Sacramentos, ele não teria se utilizado da tesoura de poda com um vigor tão deplorável.


Clique em download para ter acesso ao conteúdo integral.

Download PDF