Dá de Ti

Poemas

Sociedade das Ciências Antigas

Dá de Ti
Por Giuseppe Guiaroni

Dá de ti! Dá de ti, quanto puderes:
o talento, a energia, o coração.
Dá de ti para os homens e as mulheres,
como as árvores dão e as fontes dão.
Não somente o sapato que não queres
ou a capa que não usas no verão;
Darás tudo que fores e tiveres:
o talento, a energia, o coração!
Darás sem refletir, sem ser notado,
de modo que ninguém diga obrigado,
ou te deva dinheiro ou gratidão.
E com espanto notarás um dia,
que vivestes fazendo economia
de talento, energia e coração.

FIM

Don`t copy text!