Palavras do Monte Athos

Cristianismo

Jean-Yves Leloup foi ao Monte Athos muitas vezes. Ele não procurou visitar os museus, para descobrir velhos e belos ícones, para fotografar veneráveis manuscritos. Ele levava no coração a pergunta que pôs tantos homens e mulheres a caminho dos grandes mosteiros em toda a Antigüidade Cristã. “Como serei salvo?” Que é preciso fazer para ser salvo?”

Entendamo-nos bem. não se trata da busca da salvação, ilustrada por uma busca espiritual barata e posta em música no famoso cântico: “Eu só tenho uma alma”. Aquele que interroga como ser salvo, retoma por sua vez a pergunta dos judeus, após a pregação de Pedro, no dia de Pentecostes. 

Verdadeiramente Jesus é o Messias, o Senhor, o Salvador, o Ressuscitado, o Vivo. Como ir a Ele, como acolhê-lo, viver dele? Como fazer o nosso ser, espírito, alma e corpo, uma confissão alegre de seu domínio e dom do Espírito?

Don`t copy text!