Quadro das diferenças entre o Cristianismo e a Igreja, segundo Louis Claude de Saint-Martin

Cristianismo

A primeira comparação neste quadro das diferenças versa sobre a noção de religião: “O catolicismo, que leva corretamente o título de religião, é a via probatória e de trabalho para se chegar ao cristianismo. O cristianismo é uma religião de libertação e liberdade. O catolicismo é o seminário do cristianismo, é a região das regras e da disciplina do neófito”¹.

Depois, observa-se a não universalidade de uma religião que se apresenta como tal, devendo o cristianismo levar a fé não só a todo mundo visível como também ao mundo invisível. “O cristianismo preenche toda a terra com o Espírito de Deus. O catolicismo só preenche uma parte do globo, ainda que seu nome o apresente como universal. O Cristianismo leva nossa fé até a região luminosa da eterna palavra divina. O catolicismo restringe essa fé aos limites da palavra escrita ou das tradições”.

O cristianismo nos mostra Deus sem que o vejamos, enquanto que a religião, por suas formas e fórmulas litúrgicas e cerimoniais, O torna opaco, mascara-O e oculta-O da nossa vista. “O cristianismo dilata e amplia o uso de nossas faculdades intelectuais. O catolicismo contrai e circunscreve o exercício destas mesmas faculdades. O cristianismo nos mostra Deus no seio de nosso ser, sem o auxílio das formas e das fórmulas. O catolicismo nos deixa diante de nós mesmos para encontrar o Deus oculto sob a aparência das cerimônias”.

Don`t copy text!